fbpx

ERP vs Software de Faturação: Qual Escolher?

ERP

ERP é uma solução de gestão integrada que está ao dispor das empresas a fim de gerir e monitorizar as suas operações de uma forma global. Um software de faturação pretende acompanhar os principais processos da cadeia de abastecimento.

Muitas vezes, estes dois conceitos são utilizados com a mesma finalidade, mas, na verdade, estes correspondem a dois softwares distintos. Neste artigo, debruçamo-nos sobre ambas as soluções, apontando as diferenças e vantagens de cada uma. Pretendemos, assim, apoiar as empresas que têm dificuldade em eleger o programa que melhor se adapta às necessidades do seu negócio.

 

O que distingue estas duas soluções?

 

Está indeciso entre diferentes tipos de software de faturação? Não sabe se deve escolher uma solução de faturação unicamente ou um software de gestão que permita o crescimento? Saiba que, em primeiro lugar, é importante conhecer a figura maior. Ou seja, deve saber o que distingue um software de faturação de um ERP.

Nós ajudamos com uma resposta rápida e simples: o software de faturação é um subconjunto do ERP. Para ilustrar totalmente a diferença entre ambos, convém analisar a gama de funcionalidades tradicionalmente oferecidas por cada sistema.

 

1. Software de faturação

 

Abrange estritamente as suas operações comerciais e gestão da cadeia de abastecimento. Tal inclui, portanto, contas correntes de cliente, recebimentos e uma gestão simplificada de stocks.

Muitos fornecedores agrupam o software de faturação com módulos para atividades de negócio relevantes. Falamos, por exemplo, da gestão de encomendas de clientes e encomendas a fornecedores, registo de horas de mão de obra e despesas.

Em suma, o software de faturação disponibiliza ferramentas para gerir a empresa no imediato. Contudo, não tem a capacidade de antecipar o futuro.

 

2. Solução de gestão integrada ERP

 

Disponibiliza todos os recursos de um software de faturação e muito mais. Além de ser um sistema de gestão de recursos, permite a monitorização da área financeira da empresa. Ademais, acompanha itens, tais como ativos tangíveis e intangíveis, recursos humanos, projetos e serviço a cliente, gestão da produção, armazém e stocks, entre outros.

Os parâmetros intangíveis incluem o horário de trabalho, os ciclos de vida do produto, os principais indicadores de desempenho e as relações com o cliente. Estes, não são indicadores financeiros em si, mas têm impacto nas finanças da empresa. Portanto, são essenciais para a sua faturação.

Uma solução de gestão integrada ERP é uma grande imagem de um software de faturação. Ou seja, este último é apenas um módulo de um sistema ERP.

 

Qual o software mais indicado para a minha empresa?

 

A maioria das soluções integradas de gestão oferece, atualmente, um software de faturação como um pacote básico. À medida que a sua empresa cresce, aumenta a necessidade de automatizar processos mais complexos de registo e geração de relatórios. Num ERP, é possível adicionar outros módulos específicos da atividade, por exemplo, processamento de salários, contabilidade e gestão de projetos.

Um pacote básico de software de faturação típico não oferece recursos de gestão financeira e planeamento. Mas o mesmo pacote pode ser integrado em outras operações de negócio. Gestão de projetos, cálculo de necessidade de stocks, relatórios e análises e gestão de recursos humanos são alguns exemplos.

A sua empresa está interessada em adquirir um software estritamente para gestão de faturação? Então, é importante verificar se está a comparar dois produtos de faturação para obter resultados comparativos objetivos.

Nos últimos anos, muitos fornecedores de software de faturação cessaram as suas operações ou foram adquiridos por grupos maiores. Além disso, existem muitas plataformas ERP a oferecer a mesma funcionalidade de faturação, mas com potencial de crescimento escalável. Posto isto, por que razão a sua empresa deveria escolher um software de faturação tradicional?

Pensemos, então, num ERP como uma solução que lhe permite adequar-se às necessidades da sua empresa, sendo possível complementar-se com diferentes módulos conforme o seu crescimento. Deste modo, o módulo de faturação, é só uma das componentes com que pode enriquecer o seu ERP. O software de faturação está, portanto, longe da extensão da funcionalidade de um ERP moderno.

 

ERP: A solução do presente e do futuro

 

Tomemos o Microsoft Dynamics NAV como exemplo. Trata-se de uma solução de planeamento de recursos empresariais que abrange diversas áreas. Falamos da Gestão Financeira e Contabilidade, da Gestão da cadeia de fornecimento, fabrico e operações, das Vendas e Serviços e, ainda, da Gestão de Projetos.

Facilmente adaptável aos diferentes setores de atividade, permite, assim, um elevado acompanhamento do crescimento do negócio. Além disso, este ERP tem como vantagens proporcionar uma visão e controlo global do negócio, a integração de todos os processos da sua organização e a otimização dos recursos. Possibilita aumentos de produtividade, melhoria do fluxo de informação, o que advém da eliminação de processos manuais propensos a erros humanos, e, ainda, uma rápida adaptabilidade e usabilidade por parte dos utilizadores. Isto porque o seu interface assemelha-se às restantes ferramentas Office.

Em suma, as soluções integradas de gestão estão a consumir rapidamente o mercado de produtos de faturação. Os novos lançamentos dizem respeito, na sua maioria, a sistemas ERP, porque respondem melhor às necessidades das organizações.

No caso de a sua empresa deter mais filiais no estrangeiro, o seu software deverá ter a capacidade dar resposta de forma eficaz aos requisitos legais de cada país. Desse modo, um software Microsoft Dynamics ERP é a melhor solução para a sua organização. Isto porque o mesmo está dotado de tais exigências.

Nas grandes empresas, a decisão já foi tomada: precisam de ter um sistema ERP completo para gerir várias fábricas, centros de distribuição, armazéns, etc. Necessitam ainda de um sistema de gestão integrada capaz de gerir as suas vendas, suporte e algumas funções de marketing nos mercados internacionais. Nos próximos anos, a tendência será para também as empresas de menor dimensão seguirem o mesmo caminho.

 
 

Subscrever o Blogue

 

captcha

A blink-iT Solutions está comprometida com o cumprimento do RGPD. Para podermos tratar os seus dados pessoais necessitamos do seu consentimento e para tal, necessita de conhecer e aceitar a nossa Política de Privacidade.

Aceito a Política de Privacidade
Dou consentimento ao tratamento de dados

Prometemos não utilizar as suas informações de contacto para enviar qualquer tipo de SPAM.

Artigo anterior e próximo

Adicionar Comentário